Subscribe:

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Tú és sacerdote eternamente, segundo a ordem do Rei Melquisedeque.




Iniciando o Tríduo Pascal, a Quinta-feira Santa é, de fato, um dia de muitos significados  e ensinamentos, onde rememoramos acontecimentos importantes de Jesus junto com seus discípulos. Contemplar a Cristo realizando a última Ceia ao lado dos mesmos,  tomado de uma grande obediência a Deus Pai, sabendo que sua hora havia chegado, que morreria em favor dos seus, para a todos salvar, é sem dúvida adentrar na maior expressão de amor pela humanidade. Gestos grandiosos de um Rei humilde, simples, sublime, suave.

Ao consagrar o Pão e o Vinho, repartidos naquela ocasião, como sendo verdadeiramente Seu  Corpo e Seu Sangue, recomendando que também nós o façamos em sua memória, o Salvador instituiu o sacerdócio. Vocação traduzida no amor, no acolhimento, no abandono de si em detrimento dos irmãos. É justamente fazer jus a esse terno e sincero amor deixado por Jesus, como mandamento maior a ser vivido. Um serviço. Uma inspiração.

São João Maria Vianney já dizia, de maneira tão sábia e feliz, que "Só no céu compreenderemos a felicidade de poder celebrar a Santa Missa" e que "O sacerdote é o amor do Coração de Jesus. Quando virdes o padre, pensai em Nosso Senhor Jesus Cristo."

Nós paroquianos de Senhora Santana, querida e excelsa padroeira, com certeza agradecemos ao Criador pela vida e missão dos nossos estimados Vigários Padre Francisco Jorge, que com muita dedicação e carinho tem conduzido o rebanho, num trabalho bonito, relevante e eficaz enquanto pastor, e Padre Raimundo Osvaldo, hoje emérito, mas que outrora também muito contribuiu com o fortalecimento da fé do nosso povo, servindo com muita dedicação. É um privilégio poder contar convosco na caminhada. Muito obrigado queridos padres por tudo o que representam para nós. Especialmente por nos aproximarem das coisas do alto, que permanecem.

Que o Senhor, em sua infinita bondade e misericórdia, os abençoe grandemente e sempre mais, todos os dias renovando em vosso coração a certeza com a qual fostes e o seguistes, e a condição maior a qual abraçastes para vossas vidas, com convicção: Ser Padre. Parabéns!